Home
Galeria de Fotos
Carnaval
Exposul 2013
Mega Leilão 2011
Todos os Eventos
Notícias
Portal Turismo
Vídeos
Contato
[Fale Conosco]
Cine.com

NOTICIAS
01/03/2014 - Sorriso lidera embarques


 
Repetindo o realizado no ano passado, município abre ano de 2014 embalado pela demanda por milho Sorriso, município localizado a 460 quilômetros ao norte de Cuiabá, abre o ano liderando as exportações municipais mato-grossenses. A posição de líder repete o realizado em janeiro do ano passado quando o maior produtor mundial de soja e milho abriu o exercício 2013 embalado pela demanda externa pelo cereal. No mês passado, dos US$ 101,60 milhões faturados com os embarques, US$ 86,80 milhões, ou 86%, vieram das vendas de milho. O restante do período se completa com as vendas de farelo de soja e miúdos de peixe e suínos. Com a intensificação da colheita de soja nos últimos 30 dias, especialmente na região norte do Estado, a tendência é a de que Sorriso siga liderando o comércio exterior de Mato Grosso nos próximos meses. O ano de 2013 terminou para Sorriso exatamente como começou: líder. De janeiro a dezembro, o Município atingiu receita recorde ao passar de US$ 1,15 bilhão em 2012 – quando encerrou o ano na segunda posição, atrás de Rondonópolis – para US$ 1,45 bilhão. Mesmo mantendo a primeira posição do ranking estadual, Sorriso apresenta retração de 36% no faturamento na comparação anual, ou seja, entre os realizados em janeiro deste ano ante janeiro do ano passado. Conforme os dados divulgados ontem pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (Mdic), a receita gerada pelas exportações passou de US$ 156,58 milhões para US$ 101,60 milhões. A diferença está exatamente nos volumes físicos embarcados de milho, que caíram 17%. Em janeiro do ano passado, quase 95% da receita contabilizada havia sido originada pelo cereal. Dos US$ 156,58 milhões em vendas, US$ 147 milhões foram em milho. JANEIRO – Além de Sorriso, o primeiro mês de ano encerrou com Nova Mutum em segundo lugar (US$ 72,90 mi), seguido de Rondonópolis (US$ 72,25 mi), Cuiabá (US$ 53,05 mi) e Lucas do Rio Verde (US$ 39,65 mi).
Fonte: MARIANNA PERES Da Editoria

publi

 
 
Portal de Eventos MT © 2011. Todos os direitos reservados | você é o nosso visitante n°